22/01/2008

Da indecisão de uma ida ao cinema

Tenho a dizer que estou um bocado chateada. Bastante, até. Quero ir ver o novo filme do Brian de Palma esta noite e, como boa tesa que sou (sim, não posso andar para aí a gastar dinheiro à parva em filmes com má crítica!), fiz a minha pesquisa pré-ida-ao-cinema-onde-vou-gastar-quase-seis-euros-para-ficar-com-o-cú-quadrado.

E acontece que as críticas que li ao filme, Censurado de seu nome, são de extremos. Não obstante o facto de De Palma ter ganho o prémio de melhor realizador no Festival de Veneza, há que chame à obra o melhor filme do ano, enquanto outros acham que uma deslocação à sala de cinema será dinheiro mal gasto. As poucas críticas positivas que encontrei são algo emotivas. Parece que há violações de adolescentes e corpos estropiados pelo meio, ou não versasse o filme sobre a ocupação americana no Iraque. E isso parece ter induzido a algum sentimentalismo nos comentários de quem viu o filme, o que retira qualquer sombra de isenção aos mesmos. Mas as críticas más que li... ui, é que eram mesmo más, daquelas mesmo a doer, só para achicalhar, mesmo muito muito ruins!

Moral da história: fiquei ainda mais indecida sobre onde gastar o meu precioso (e pouco) dinheiro. Porra!

2 comentários:

curse of millhaven disse...

pois assim n é facil...mas às vezes as criticas so nos confundem! normalmente confio no meu instinto e vou ver um filme q à partida me atrai, raramente fico desiludida :)

lampâda mervelha disse...

Eu sei lá... vou e pronto (aqui pago apenas 3 eur... mas os filmes chegam com 1 a 2 meses depois da estreia)

Vai ver o filme!