11/02/2008

Masoquismo requintado...

Hoje é Dia de Sapatos Novos. Não são nenhuns Manolo Blahnik (porque eu não tenho o poder de compra da Sarah Jessica Parker), nem os lindíssimos Jimmy Choo's da foto ao lado. São da Bershka e custaram 8€ nos saldos.
E são lindos.
E são também um objecto de tortura medieval que, sem dó nem piedade, fazem com os meus pés se contorçam de dor e sofrimento dentro daquela coisinha verde que são os meus sapatos novos. Como é possível que um objecto tão delicado, e que me faz sentir tão sexy, tão femme fatale, me faça ao mesmo tempo amaldiçoar a maldita hora em que fui aos saldos?
É que nem o assobio dos senhores das obras no rés-do-chão, quando ouvem o aproximar do salto alto, me fazem esquecer o vermelho gritante que vejo cada vez que vou ao WC e me descalço.
Só consigo pensar em duas palavras:
Dor
do Lat. dolore
s. f., sofrimento físico ou moral;
mágoa, aflição;
pesar;
dó;
condolência, piedade;
remorso;
(no pl. ) manifestações dolorosas que precedem o parto.
- de cotovelo: ciúme; inveja; despeito.
Sofrimento
s. m.,
acto ou efeito de sofrer, padecimento;
fig.,
pena moral;
amargura;
tolerância.
Estes dois substantivos vão ficar comigo até ao final do dia. E longo que ele vai ser!
E já que estamos numa de lições de grámática, aqui fica mais um substantivozinho/adjectivozinho interessante:
Masoquista
adj. e s. 2 gén.,
que ou indivíduo que é dado ao masoquismo;
por ext. que se deleita com o próprio sofrimento.
E agora vocês dizem "Ok, já percebemos que te doem os pés!". Ao que eu respondo que, não me dando por contente com as dores nos membros inferiores, amanhã vou começar uma dieta bastante rigorosa. Sim, é super sexy ir ao nutricionista. A pessoa X bem me avisou e tentou dissuadir "h4rdDrUnK3R, tu pensa bem que esta dieta é bem f#did*!! Estou sempre cheia de fome!!". Mas não, eu sou teimosa e vou levar a dieta avante.
Não por capricho, não por que me queira sentir bonita ou atraente, mas por questões unica e exclusivamente relacionadas com a saúde. (É aqui que vocês me batem palmas). E fiquem descansados, que não vou fazer nenhum blog a dar conta do meu dia-a-dia de dieta (fome, estenda-se). Já estava a imaginar, as grávidas têm blogs com aqueles contadores dos dias que faltam até ao final do tempo. Eu podia ter um contador com uma senhora assim a puxar para o gordo, que ia diminuindo à medida que eu ia perdendo umas gramas. Muito deprimente, sem dúvida.
Vou-me deixar destas congeminações estúpidas e vou mas é emagrecer ali para um canto.

6 comentários:

Anónimo Juvenal disse...

A principal razão pela qual devemos seguir uma dieta é sem dúvida a saúde, embora normalemente as razões relacionadas com aspectos estéticos sejam 90% das vezes a principal razão para que alguém decida optar por essa luta. Até porque não se trata apenas de saúde física, mas também mental.
É certo que gostos não se discutem e que há quem goste de pessoas de todos os tamanhos, pesos, alturas e feitios, mas é também certo que na maior parte das vezes nos sentimos mais saudáveis quando o nosso peso é o correcto. Nem a mais, nem a menos. O mundo parece diferente. Olhem que falo de experiência própria. Mas nem tudo são rosas. Quem dp de muito tempo de ser "gordinho" de repente se apanha nas medidas correctas, detecta muito facilmente os podres da nossa sociedade...A mudança de atitude das pessoas na rua muda radicalmente! É incrível!...E isso nem sempre é bom...
Mas sim, sentimo-nos mais bonitos, confiantes, charmosos...muita coisa muda...
O problema é que às vezes sentimos que as pessoas deixam de olhar para aquilo que somos por dentro.Que era normalmente aquilo que mais notavam.
Mas depende de nós próprios não deixar isso acontecer. Estar atento às incoerências que vão tendo lugar à nossa volta.

Desejo-te bom trabalho nessa dieta, não sorte, pq a sorte não ajuda, só a força de vontade.
E espero que não sejam dietas malucas...sexys ou n...

bj*

=)

Menphis disse...

Ia dizer-te uma coisa sobre a dieta que me aconteceu por experiência própria mas, entretanto, li o comentário do anónimo juvenal e subscrevo-o TOTALMENTE.

Em Setembro achei que queria deixar de ser "gordinho" e num misto de força de vontade, IMENSO exercício físico, sacrifícios alimentares, incluindo uma mudança de volta e meia nos hábitos alimentares, consegui antes do Natal ter o peso correcto para a minha altura, nem mais,nem menos.

E, como diz o Juvenal, é verdade a mudança de atitude das pessoas é completamente diferente, e isto é sem qualquer sinal de ser convencido, os olhares, a maneira das pessoas agir connosco é totalmente diferente, mas sabes, isso até faz bem ao ego ;)além de vivermos mais felizes.

O problema são aquelas gralhas que parecem têm inveja de nós e começam a dizer que estamos doentes ou muito magros, mas com esses vivemos bem.

Uma boa dieta e muita força de vontade, vais ver que não custa nada.

Ema disse...

a pessoa X sou eu, portanto. que já ando nestas andanças dietéticas há...uma semana. obrigada por me acompanhares nesta luta de perder 5kg até março...pode ser que o senhor nutricionista seja mais brando contigo. :)
custa, mas que já me sinto melhor, já. só que matava por um pãozinho com chouriço...

Ema disse...

e nem sequer vou falar dos teus sapatos novos, que só queria que fossem meus. (não sei é para quê, que eu não sei andar de saltos altos e não preciso, diga-se...).

Maria del Sol disse...

Por muito sexys que sejam os saltos (exceptuando os de cunha, que são os únicos minimamente confortaveis) considero-os sempre um desafio pesado demais para aquilo que os meus pezinhos de papel conseguem suportar... dietas nunca tentei, e quanto ao exercício físico, só a visão dos meus preciosos euros a desparecer todos os meses é que me faz levantar o rabo da cadeira duas vezes por semana (confesso que já falhei algumas). Isto faz de mim uma cobarde? :P

H4rdDrunk3r disse...

Não deixa de ser surpreendente o quanto o Juvenal e o Menphis foram lúcidos e queridos perante a dieta. O mais possível! Tinha-me esquecido de ter essa clareza de espírito.

E Ema, que não te pareça mal ter mantido o teu anonimato, mas pensei que não quisesses tornar pública a nossa dieta lol